Nota ao jornal Estado de Minas – Ônibus incendiados
15 de fevereiro de 2018
Nota à TV Record – Porta aberta
15 de fevereiro de 2018

Nota ao jornal O Tempo – Ocorrência criminal em ônibus

Demanda: O jornal O Tempo questiona suposta agressão de fiscais da linha 5582 a um passageiro, bem como dados de incêndio a ônibus na região metropolitana.

 

Nota ao jornal O Tempo,

 

Belo Horizonte, 15 de fevereiro de 2018. O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Metropolitano (SINTRAM) esclarece que a empresa responsável pela linha 5582, ao tomar conhecimento do fato, acionou a polícia e aguarda agora o resultado das investigações sobre o caso. Com relação à suposta alegação de um dos fiscais estar armado, o SINTRAM esclarece que os fiscais são proibidos de portar arma de fogo.

Em 2018, um ônibus do sistema metropolitano foi incendiado. Em 2017, foram incendiados 18 veículos do sistema metropolitano de transporte. O prejuízo das queimas de ônibus é integralmente arcado pelas empresas e representa cerca de R$ 400 mil por veículo incendiado – podendo variar conforme o modelo do carro. Para além do ônus às empresas, os atos de vandalismo prejudicam os usuários das linhas afetadas, graças à redução forçada do quadro de horários e até que o ônibus incendiado seja reposto por um novo. A reposição de veículos danificados por novos leva em média 180 dias.