Transporte coletivo de passageiros no pós-pandemia
2 de setembro de 2020
Aumento das viagens do sistema metropolitano não levou a aumento de casos de covid-19 na RMBH, diz estudo
28 de setembro de 2020

Ação do SEST/SENAT quer conscientizar motoristas e passageiros sobre importância dos cuidados individuais nos ônibus.

Ação do SEST/SENAT quer conscientizar motoristas e passageiros sobre importância dos cuidados individuais nos ônibus; mobilização vai até esta sexta (25)

 

Os terminais metropolitanos e pátios de empresas de ônibus recebem, nesta semana, uma série de ações educativas e sociais que marcam a Semana Nacional do Trânsito. Até sexta-feira (25), profissionais do SEST/SENAT irão conscientizar motoristas e passageiros sobre a importância dos cuidados individual e coletivo tanto dentro como fora dos ônibus em prol de um trânsito mais seguro.

 

Conforme a programação, estão previstas ações de autoprevenção da covid-19 e atendimentos de saúde gratuitos nas especialidades de odontologia, nutrição, fisioterapia e psicologia.

 

Colaboração

 

Com a ação, o SEST/SENAT quer alertar a todos sobre a necessidade de seguir os protocolos de saúde também dentro dos ônibus e sobre como isso pode contribuir para um trânsito melhor.

 

Nos materiais da campanha, estão orientações a respeito da obrigatoriedade do uso de máscara dentro dos coletivos e da importância de manter as janelas abertas (nos ônibus que não possuem ar condicionado); evitar conversar nos ônibus; higienizar sempre as mãos; e negociar, sempre que possível, os períodos de trabalho para fugir dos horários de pico.

 

Ações contra a covid-19 no transporte de passageiros

 

Mesmo tendo sido um dos setores mais afetados pela pandemia, o transporte coletivo não parou. O transporte metropolitano na Grande BH chegou a registrar queda de cerca de 70% na demanda de passageiros, mas não reduziu as viagens na mesma proporção. As empresas investiram em segurança sanitária, com aumento da higienização, disponibilização de álcool em gel em estações, terminais e ônibus articulados, distribuiu máscaras, dentre outras ações.

 

Para o presidente da Confederação Nacional do Transporte (CNT), Vander Costa, é preciso reforçar que o transporte coletivo não é um ambiente inseguro.

 

“Andar de ônibus é seguro sim. O risco de contágio é o mesmo que o de ir a um supermercado e depende, principalmente, de cada um. Assim, com essa campanha, queremos informar a população de maneira correta e deixar a mensagem de que todos nós somos responsáveis pelas seguranças individual e coletiva no trânsito”, destaca.

 

São as empresas associadas ao Sintram que contribuem para oferecer todos estes serviços voltados para a saúde e bem estar dos colaboradores do transporte, por meio do SEST/SENAT.

 

Confira a programação:

 

 

LOCAL DATA HORÁRIO
Terminal Vilarinho (Belo Horizonte) 22/09 13h às 17h
Terminal São Gabriel (Belo Horizonte) 22/09 13h às 17h
  25/09 07h às 11h
Terminal Metropolitano (Ibirité) 25/09 08h às 12h e 13h às 16h
Terminal Metropolitano Justinópolis (Ribeirão das Neves) 21/09 13h às 17h
Terminal São Benedito (Santa Luzia) 21/09 07h às 11h
  24/09 13h às 17h
Terminal Metropolitano (Sarzedo) 21/09 08h às 12h
Terminal Metropolitano Morro Alto (Vespasiano) 24/09 08 às 11h e 13 às 17h